O que acontece com quem não sacar o Abono Salarial

O abono salarial é um dos benefícios do trabalhador. Todos os funcionários de empresas públicas com o seu PASEP ou de privadas com o seu PIS possuem acesso ao valor extra. Mas para ter direito é preciso cumprir alguns requisitos, além se se informar do acontece com quem não saca o Abono Salarial.

abono-3-1

O que é o abono salarial?

Podemos definir o abono salarial como um valor extra a ser recebido pelo trabalhador. Quem teve a sua carteira devidamente assinada no ano anterior possui o direito de fazer saque de um abono no ano seguinte.

O valor do abono salarial completo é correspondente a um salário mínimo vigente e sempre atualizado de acordo com a mudança do salário. Quem trabalhou os 12 meses no anterior possui o direito de solicitar o pagamento do mínimo completo. Quem atuou no mercado apenas por um período de seis a 11 meses recebe o correspondente a seu tempo de serviço.

abono-2

O básico para ter direito ao abono é ter contribuído para isso no fundo do trabalhador. Isso é feito pelo empregador depositando corretamente o PIS para os funcionários da rede privada. Já os funcionários públicos possuem Pasep. Quem está com o PIS ou Pasep atrasado não vai conseguir sacar o dinheiro.

Como sacar o abono salarial?

abonoO pagamento sempre é realizado no ano posterior de acordo com um calendário pré programado. Tradicionalmente iniciam nos meses de junho ou julho do ano que vem e ficam até setembro ou outubro, mas pode haver mudanças.

No mês de pagamento do abono salarial é só se dirigir a uma agência da Caixa e solicitar o saque. O sistema já está com liberação automática para quem possui direito a receber o valor.

Onde sacar o abono salarial?

O saque do abono para quem possui PIS pode ser feito em qualquer agência da Caixa Econômica Federal mais próxima da residência do trabalhador. Quem possui conta da Caixa pode solicitar receber em débito em conta corrente ou poupança. Quem não possui é só ir buscar o valor pessoalmente.

Já quem possui Pasep faz o saque em agências do Banco do Brasil da mesma forma que quem tem PIS.

O que acontece com quem não saca o Abono Salarial no prazo correto?

Infelizmente este não é um benefício acumulativo. Caso o trabalhador não realize o saque todos os anos do seu abono salarial, o dinheiro volta aos cofres do FAT – Fundo de Amparo ao Trabalhador.

O prazo limite para saque sempre é de até um ano após o ano de trabalho, divulgado no calendário nas agências do Banco do Brasil e Caixa de acordo com seu tipo de benefício. Não sendo realizado o saque não é possível solicitar o valor uma segunda vez porque não haverá disponibilidade do dinheiro.

Mas vale informar que o valor retornando ao FAT não fica sem uso. É direcionado ao pagamento do seguro desemprego, um dos maiores benefícios pós demissão. Não apenas ajuda quando o salário é cortado no pagamento de contas do lar como na recolocação do funcionário no mercado de trabalho.

 

Comments are closed.